top of page
  • Foto do escritorSHALOM

FESTA DE PENTECOSTES

Atualizado: 18 de jun. de 2020

EF04ER02 = Identificar ritos e suas funções em diferentes manifestações e tradições religiosas



OBJETIVO DA AULA: Identificar a celebração de Pentecostes na tradição católica, fundamentando a doutrina da presença do Espírito Santo de Deus no meio dos homens.


CONTEXTUALIZAÇÃO

Apresentar a música sobre essa celebração


É O ESPÍRITO SANTO DE DEUS


Ele sopra na alma da gente

Ele é sopro divino

É do céu que ele vem

Ele é forte, é suave, ele é quente, Ele sopra na mente

Ele e faz tanto bem

Quem não sente este vento soprando

Este vento passando

Não sabe o que é

É o Espírito Santo de Deus

É o Espírito Santo de Deus

Foi Jesus que soprou sobre os onze

No dia feliz em que foi para o céu

E seu sopro divino foi tanto

Que pôs nos onze o Espírito Santo

Ele faz a cabeça da gente

Ele toca na mente se a gente deixar

Ele vem, ele sopra insistente, Ele é tão convincente

Ele sabe tocar quem não sente esta delicadeza

Não sabe a leveza de ser e de crer

É o Espírito Santo de Deus

Lá na Bíblia se lê todo dia

Que Deus não iria deixar de falar

O amor de Jesus ainda é tanto que põe

Na gente o Espírito Santo

É o Espírito Santo de Deus


Gênero: Cristã/Gospel


METODOLOGIA/AÇÃO PROPOSITIVA

* Ler a letra da canção

* Mostrar o vídeo

* Dialogar com a classe sobre o que entenderam

* Descrever a celebração ritual e sua importância

Pentecostes é uma das celebrações mais importantes do calendário cristão e comemora a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos de Jesus Cristo, sua mãe Maria e outros seguidores. O Pentecostes é celebrado 50 dias depois do domingo de Páscoa, e ocorre no sétimo dia depois da celebração da Ascensão de Jesus. https://pt.wikipedia.org/wiki/Pentecostes, acesso em 31.05.20, às 14h13

ORIGEM JUDAICA - Festa da Colheita


A Festa de Pentecostes era uma celebração agrícola, originalmente, realizada na roça, no lugar onde se cultivava o trigo e a cevada, entre outros produtos agrícolas.


Posteriormente, essa celebração foi levada para os lugares de culto, particularmente, o Templo de Jerusalém. Os muitos relatos bíblicos não revelam, com clareza, a ordem do culto, mas é possível levantar alguns passos dessa liturgia:


A cerimônia começava quando a foice era lançada contra as espigas. É bom lembrar que era respeitada a recomendação do direito de respigar dos pobres e estrangeiros.


A cerimônia prosseguia com a peregrinação para o local de culto.


O terceiro momento da festa era a reunião de todo o povo trabalhador com suas famílias, amigos e os estrangeiros. Essa cerimônia era chamada de Santa Convocação.


Ninguém poderia trabalhar durante aqueles dias, pois eram considerados um período de solene alegria e ação de graças pela proteção e cuidado de Deus; portanto, eram dias feriados (e atualmente continuam sendo).


No local da cerimônia, o feixe de trigo ou cevada era apresentado como oferta a Deus, o Doador da terra e a Fonte de todo bem.


Os celebrantes alimentavam-se de parte das ofertas trazidas pelos agricultores.

As sete semanas de festa incluíam outros objetivos, além da ação de graças pelos dons da terra: reforçar a memória da libertação da escravidão no Egito, e o cuidado com a obediência aos estatutos Divinos.


https://pt.wikipedia.org/wiki/Pentecostes, acesso em 31.05.20, às 14h44


NOVO SIGNIFICADO - Atos dos Apóstolos

Chegando o dia de Pentecoste, estavam todos reunidos num só lugar. De repente veio do céu um som, como de um vento muito forte, e encheu toda a casa na qual estavam assentados. E viram o que parecia línguas de fogo, que se separaram e pousaram sobre cada um deles. Todos ficaram cheios do Espírito Santo e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito os capacitava.
Atos dos Apóstolos 2:1-4

* Dialogar com a classe sobre a palavra sagrada

* Ouvir mais uma vez


MATERIAL DIDÁTICO: quadro, giz, xerox da letra da música, caixinha de som conectada ao celular, datashow.

475 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Post: Blog2_Post
bottom of page