top of page
  • Foto do escritorSHALOM

BÍBLIA, COMUNICAÇÃO DE DEUS EM LINGUAGEM HUMANA


Muitos homens e mulheres, de lugares, línguas e culturas diversas contribuíram para que a humanidade tivesse acesso à Bíblia. As narrativas referentes às experiências de Deus vividas pelo povo de Israel em sua história foram, inicialmente, guardadas na memória e transmitidas de viva voz, até serem registradas por escrito, em papiros, pergaminhos e outros materiais conhecidos e disponíveis em cada época.


A BÍBLIA É A VOZ DE DEUS NA COMUNICAÇÃO DO POVO

A Bíblia é o registro escrito, sob a luz da fé, de experiências vividas por mulheres e homens em épocas, lugares e situações diferentes. Eram pais e mães de família, gente instruída e gente simples. Muitos não sabiam ler nem escrever, porém contavam e recontavam histórias que tinham ouvido, as quais lembravam sobretudo a presença e ação de Deus, que caminhava com eles. Em todas essas experiências, que progressivamente passaram a ser registradas por escrito, o povo reconheceu a voz de Deus. Muitos homens e mulheres, sacerdotes e profetas, reis e pastores, apóstolos e evangelistas, com suas comunidades, contribuíram para escrever a Bíblia.

Mesmo que muitos livros contidos nela tenham nomes de homens e mulheres, é difícil saber com certeza quem os escreveu. Isso quer dizer que nem sempre um livro da Bíblia que traz o nome de uma pessoa tenha sido escrito por ela. Naquele tempo era costume colocar o nome de alguém importante, para que assim o livro fosse aprovado e lido.



LUGARES ONDE FOI ESCRITA A BÍBLIA

De fato, os livros da Bíblia foram escritos não só em lugares diferentes, mas às vezes o mesmo livro começou a ser escrito em um lugar e foi completado, copiado ou revisado, muitas vezes recebendo acréscimos, em outros.

Grande parte dos livros do Primeiro Testamento foram escritos na terra de Israel, onde se formou e viveu o povo de Israel, lugar onde Jesus nasceu, viveu, ensinou, morreu e, segundo a fé cristã, ressuscitou.

Alguns livros da Bíblia foram escritos fora de Israel: na Babilônia, no Egito, na Ásia Menor, na Grécia e na Itália, lugares por onde se espalharam os judeus e as comunidades cristãs primitivas. Pela diversidade de autores e lugares, podemos imaginar a variedade de riquezas, costumes, culturas, situações socioeconômicas, políticas e religiosas que se refletem em cada livro. Esses autores certamente sofreram influências de outros povos na maneira de ver, viver e transmitir a mensagem de Deus à humanidade, com um novo olhar e uma nova forma. Se os autores eram de lugares diferentes, muitos falavam e escreviam em línguas diferentes.


LÍNGUAS BÍBLICAS

A terra de Israel, onde se formou grande parte dos livros, faz parte do Oriente Próximo, na Ásia. Essa região, foi dominada por diversos povos, culturas e civilizações, desde as épocas mais remotas. Por isso, na região da terra de Israel, muitas línguas foram faladas e usadas na escrita, do decorrer desses anos todos. Entre elas destaca-se o grupo das línguas semíticas. Desse grupo fazem parte o acádio, o assírio, o cananeu, o fenício, o hebraico, o aramaico, o árabe e outras. Essas línguas possuem semelhanças na fala, na escrita e no modo de construir o pensamento e as frases. São como a língua portuguesa, que tem semelhanças com o espanhol, italiano, o francês e outras. Porém, as mais importantes foram o HEBRAICO, o ARAMAICO e o GREGO.


MATERIAIS UTILIZADOS PARA ESCREVER A BÍBLIA

A Bíblia, muito antes de ser escrita, foi vivida. Os fatos e as experiências do povo foram guardados na memória e recontados pelos pais aos filhos, de geração em geração. Isso ocorreu no chamado período das tradições orais. Durou aproximadamente mil anos.

Quando a Bíblia foi escrita, ainda não existia o papel como nós o conhecemos hoje, pois ele é uma descoberta do século XV da nossa era. A Bíblia foi escrita sobre materiais que eram comuns naquela época: o PAPIRO, o PERGAMINHO e outros.


ROMI, Auth, fsp. "Bíblia, comunicação entre Deus e o povo". Paulinas, 2002, volume I, pág.20 a 27.




182 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page